"A todos os visitantes de passagem por esse meu mundo em preto e branco lhes desejo um bom entretenimento, seja através de textos com alto teor poético, através das fotos de musas que emprestam suas belezas para compor esse espaço ou das notas da canção fascinante de Edith Piaf... Que nem vejam passar o tempo e que voltem nem que seja por um momento!"


6.10.12


    Velhas cartas de amor 

 Ah, queimá-las não pude... É que elas - quem diria? 
guardam murchas assim tua morta paixão 
- a febre de uma noite, as lágrimas de um dia - 
como o eco já sem voz de uma ultima canção. 

 Tuas cartas! - num tempo a que eu retornaria –
 fizeram palpitar de amor meu coração... 
Depois, veio o silêncio, a distância, a agonia, 
e o bálsamo do tempo - a cruel consolação! 

 Vivem nelas ainda um romance apagado, 
a luz da mocidade, o fogo de um passado, 
a gloria de uma vida aos vinte anos em flor... 

 Ontem, contava-as, sim - com um gesto indiferente... 
Mas sobre elas caiu uma lágrima ardente ... ... 
E não pude queimar tuas cartas de amor... 

  Hector Pedro Blomberg 

 ¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Um comentário:

"Há demonstrações de carinho que nos imensam!"
Manoel de Barros

Demonstre seu carinho...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...