"A todos os visitantes de passagem por esse meu mundo em preto e branco lhes desejo um bom entretenimento, seja através de textos com alto teor poético, através das fotos de musas que emprestam suas belezas para compor esse espaço ou das notas da canção fascinante de Edith Piaf... Que nem vejam passar o tempo e que voltem nem que seja por um momento!"


3.5.10

Notas no caderno de viver

… e naqueles dias em que o sol parecia iluminar recantos
que nem ela sabia que existiam?

Passeava a doçura que sentia no corpo pelas ruas da ternura.

Sabia que o sol não era eterno, provavelmente nem duradouro.

Sabia a muito que pedimos impossíveis, precisamente porque
são impossíveis.

O realizável reside em nós e começa na decisão do que queremos.

Para ela, naqueles dias, era apenas aquele sol que lhe fazia pulsar
o sangue no corpo, acelerado.

No caderno escreveu só:

- Hoje o sol brilhou. Por todo o meu corpo.

Maria Laura

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

3 comentários:

  1. En nosotros mismos radica la emoción de los sueños, el sol después de todo brilla si los ojos están dispuestos a su luz.
    Un beso.

    ResponderExcluir
  2. como siempre un post de lujo.
    besos

    ResponderExcluir

"Há demonstrações de carinho que nos imensam!"
Manoel de Barros

Demonstre seu carinho...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...