"A todos os visitantes de passagem por esse meu mundo em preto e branco lhes desejo um bom entretenimento, seja através de textos com alto teor poético, através das fotos de musas que emprestam suas belezas para compor esse espaço ou das notas da canção fascinante de Edith Piaf... Que nem vejam passar o tempo e que voltem nem que seja por um momento!"


24.10.12


 
  Dignidade

Fui falar-te como se fosse a uma casa de penhores 
 Empenhar o meu último casaco 
 Sem flores 
 Sem anéis 
 Sem colares 
 E os saltos tortos dos sapatos 
 Palavras não houve 
 Sorriso apenas meu 
 De pessoa serena sem passado e sem futuro
 Entregaste-me a cautela dos dias inúteis 
 E eu assinei 
 Só eu sabia que vinha nua 

  Matilde Rosa Araújo 

 ¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Um comentário:

  1. Uma entrega por inteiro, em troca do nada, do vazio. Muitas vezes nos doamos sem medida, penhoramos nossos sonhos, ideais, sentimentos em troca de quase nada. Abraços

    ResponderExcluir

"Há demonstrações de carinho que nos imensam!"
Manoel de Barros

Demonstre seu carinho...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...